[RESENHA] DOCE ILUSÃO

Por: Salvattore Mairton - 00:04

Autor (a): P. M. Mariano
Editora: Drago Editorial
Ano: 2018
Nº de Páginas: 225
Onde Comprar: Drago Editorial
Livro cedido gentilmente em parceria com a autora

Até onde uma vida sofrida pode mexer com a psique de um ser humano?
Felipe viveu um inferno na vida e, graças à sorte ou um milagre, está livre de todos os tormentos, pelo menos era o que pensava. Sua sina ao ter fugido do abrigo São Marcos, foi-lhe uma experiência amarga. Está livre! E para a sua felicidade, ao lado daqueles que mais ama.
Acha ter controle de seus sentimentos, e que superou os reveses de sua vida. Vive conforme o dia a lhe dar trégua. Sempre amparado pelos amigos e àqueles que seu coração designou como a sua verdadeira família. Até que seu passado lhe surge à frente, dando-lhe uma rasteira e, toda tranquilidade que tinha, cai-lhe aos pés.
Então, seus sonhos, sua felicidade, era uma realidade ou, simplesmente, uma doce ilusão?

 Até onde um triste acontecimento pode influenciar nosso futuro? Será possível viver com o preconceito de sua própria família? Felipe sentiria e descobriria isso na pele.

 Doce Ilusão, é o segundo livro de A Saga de Um Pintor, da autora Priscila Márcia Mariano. O primeiro livro Infância Perdida (Uma das resenhas mãos acessadas do blog), mostrou através de cenas fortes Felipe sendo abusado pelo próprio pai e vivendo um inferno na sua família. Após um final instigante, o segundo volume da série mostra ele já na fase da adolescência e tendo que viver com o eterno tormento da pedofilia rondando sua vida.

 Não bastasse o garoto ter passado abusos físicos de seu pai, e também de outros homens, agora sofria pelos abusos psicológicos infringidos por aqueles que o deviam acolher e amar. Seu avô, tio e até mesmo o padre que ele achava que o apoiaria, unem sua homossexualidade à pedofilia. E temem que Felipe acabe por se tornar alguém perigoso a moral da família.

 Felipe é um personagem encantador, que mesmo com o sofrimento que não cansa de atrapalhar sua vida, ainda encontra forças para amar e lutar pela sua felicidade, mesmo duvidando delas as vezes. Doce Ilusão, é mais leve que o primeiro livro, mas o leitor acaba se envolvendo e sofrendo junto com o rapaz, que não queria nada mais que ser feliz.

 Aflição e dor parecem querer acompanhar Felipe para onde quer que ele vá. Depois de enfrentar a mágoa de ter sido abusado por quem deveria amá-lo, teria agora que lidar com o preconceito e a intolerância pelo seu relacionamento com André. 

 Com uma escrita direta e impactante, Priscila conseguiu novamente atingir o leitor com uma história cheia de reviravoltas e momentos tensos. Além de tratar do tema pedofilia, a autora fez do preconceito e homofobia seu algoz neste segundo livro. Os personagens se desenvolveram e a estória amadureceu, a ponto do foco principal se expandir e atingir todos os tipos de leitores. 

 Uma história forte, envolvente, tocante. Este é Doce Ilusão, o livro que desenha como vive aquelesque sofrem preconceito por sua orientação sexual. Que mostra a dor que smepre acompanhará quem sofreu algum tipo de abuso sexual. Mostra como devemos cuidar quem está perto de nós. Não é mais um livro, é o livro que precisa ser divulgado e principalmente, deve ser lido. Mas esteja pronto, a emoção nos acompanha do inicial fim.

 A Saga de Um Pintor é uma quadrilogia, e o terceiro livro Gotas De Fel já está em fase de preparação e será lançado em 2019. 

 Doce Ilusão, publicada pela Drago Editorial, segue a mesma diagramação do primeiro livro, impecável. A capa mais uma vez consegue retratar as emoções que Priscila buscou transmitir em sua história. 

 Para finalizar, leia Infância Perdida. Leia Doce Ilusão. Leia A Saga de Um Pintor. É uma leitura necessária. 

Se você gostou também vai gostar de:

18 comentários

  1. Oi! Eu não conhecia a autora ou os livros e fiquei encantada com a arte das capas! Achei lindo o tom escuro e forte escolhido pra colorir a capa dos livros! Quanto a história, achei triste e impactante! Realmente é um livro que deve ser lido e conhecido! Fiquei com pena e raiva, pois ele foi machucado por quem deveria amá-lo, e depois ainda sofre e é julgado por isso! É um tema muito forte! Obrigada pela dica!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  2. Oiiie,
    sobre a autora eu ainda não conhecia rsrs mas olha achei essas capas lindas demais, já a história e meio triste, eu já meio que entendo esse tipo de livro, não esse mas obras ''parecidas'' esse eu ainda não li

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia o livro, mas fiquei bem compadecida dos infortúnios de Felipe. Fiquei curiosa para descobrir como a autora consegue impactar o leitor e esses momentos tensos que o enredo carrega. Mas só de saber os assuntos tratados no livro dá para se ter uma ideia. Apostando nessa emoção do começo ao fim eu anoto a dica, quero ler.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Ola, não conhecia o livro os temas nos mesmos são temas polêmicos e densos ao mesmo tempo, pelo visto o protagonista já passou por muitos abusos e hoje os transtormos psicológicos estão vindo a tona. Vou aguardar o desfecho da série para começar a ler. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  5. Oie!
    Adoro leitura assim, tocante que nos levam a reflexão.
    Gostei de saber que traz temas atuais, como abuso sexual e também opção sexual. Com certeza, vou gostar dessa leitura, e vou me emocionar muito com a trama.
    Ótima dica!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Caramba, a premissa dos livros. O assunto de pedofilia não é fácil de trabalhar, ainda mais quando acontece dentro de casa pelo próprio pai. Deve ser uma estória emocionante e ao mesmo tempo agoniante, vendo que todos estão contra o garoto. Preciso ler urgentemente esse livro. Adorei a resenha.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Nossa, a história pelo visto é muito forte e impactante. Ainda não li a resenha do primeiro livro, mas se a história do segundo já chama a atenção, imagino a do primeiro.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  8. Oiiii,

    Eu não conhecia estes livros e achei a temática bem forte, pesado né? Tratar a pedofilia dentro da própria família, aliado a sexualidade do menino. Tem que ter sido realmente muito bem trabalhado para poder envolver tanto assim. Fiquei curiosa para conferir, mas preciso ter tempo e psicológico para a leitura porque tenho certeza de que irei ficar muito mexida.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  9. Ainda não conhecia a série e fiquei bem instigada a conhecer os livros que já foram publicados. Acho que será uma leitura que me emocionará bastante e isso já é um ponto mais que positivo para que querer comprar o livor.
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi

    Ainda não conhecia o livro e bem nada da autora. O livro parece ser bem emocionante, o que você citou do primeiro livro me deixou bem agoniada, pois sei que se ler o livro, vou acabar chorando. Vou anotar o nome dos livros e tentar ler a resenha do livro anterior.

    ResponderExcluir
  11. Obrigada por me apresentar a esse livro. Pelo seu post me parece ser uma obra com uma história com temáticas bem fortes. O protagonista passa por situações bem difíceis. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas confesso que fico em dúvida se leria. Parece ser uma leitura muito intensa e tocante, que aborda temas muito importantes, porém, acho que deve ser algo muito pesado de se ler. Eu tenho muita dificuldade para encarar livros que tratem sobre abuso, especialmente o infantil. Sinceramente, não sei se tenho estômago para ler algo assim.
    De qualquer forma, gostei muito da sua resenha e o livro parece ser muito bem escrito.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia a obra, mas amei o plot até descobrir que é uma quadrilogia. Eu estou há um tempo fugindo de séries. Primeiro tão faltando tempo, espaço e principalmente grana. Fiquei muito curiosa por essa leitura. Pela ênfase que você dá na sua resenha a importância desse livro, eu já quero lê-lo.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  14. Olá
    Não conhecia o livro, mas a premissa é um tanto instigante.
    Sou uma pessoa muito sentimental e não sei se um tema tão pesado como pedofilia seria algo que eu conseguiria ler no momento. Os temas são bem pesados. A leitura parece ser intensa demais e tenho medo de não gostar por isso, mas viu deixar a dica anotada para quem sabe um dia eu saia da minha zona de conforto. Beijos

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Não tive oportunidade de ler nada dessa editora e gostei da proposta e das capas.
    Parece uma leitura instigante e traz elementos que me agrada ao longo da narrativa.
    Vou anotar para conhecer em algum momento.
    Beijos!

    Camila de Moraese

    ResponderExcluir
  16. Olá,

    Pelo que li de sua resenha a capa faz justiça ao enredo, achei muito interessante a premissa de ambos os livros, gosto de livros que abordem assuntos mais pesados, densos e que trabalhem de maneira extensa sobre o assunto. Pode ser uma leitura intensa e um tanto dolorosa de ler, mas, me chamou bastante a atenção, irei anotar a dica com certeza.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Que premissa hein, bem tensa e pesada! eu não conhecia esse livro, mas gostei de saber mais sobre e confesso que não é bem o tipo de livro que leio sempre, mas sempre que dá estou lendo livros com esses assuntos, que acho muito importante serem tratados nos livros. ótima resenha!

    beijos!

    ResponderExcluir
  18. Oie, tudo bom?
    Caramba, parece ser um livro beeem pesado de ler, né? Eu curti mas não sei se leria no momento, acabei de ler outro pesadíssimo e agora preciso de algo mais leve, rs.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião para nós do Refúgio Literário