Destaques

A POESIA PARA A VIDA, SABRINA DALBELO REVELA SEUS MAIORES SNETIMENTOS NO SEU MAIS NOVO LANÇAMENTO

Por Salvattore Mairton •
quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019
Titulo da obra: Lente de Aumento Para Coisas Grandes 
Autor(a): Sabrina Dalbelo
Ano de Publicação: 2018
Nº de Páginas: 116
Editora: Penalux
Onde Comprar: AMAZON | MAGAZINE LUIZA | PENALUX
Livro cedido em parceria com a autora

Lente de aumento para coisas grandes” coloca uma lupa sobre o leitor e seu mundo. Nosso mundo. Quem somos nós dentro de um contexto ou outro? Quem? Somos desertos, multidões, solidariedade, solidão. Somos aquilo que pensamos ser ou o que achamos que o mundo espera de nós? A autora certamente não responderá a estas questões, ninguém jamais irá, mas nos convidará à reflexão a partir de um olhar de íntima proximidade. Um olhar de estranhamento, de admiração diante do cotidiano, do familiar. Visto assim, de pertinho, tudo pode ser diferente, tudo pode se (re)significar. E Sabrina Dalbelo nos desafia. “experimente / olhar sinceramente / sem rotular / liberta / faz gente” “experimente / principalmente / para um indigente / para um menos gente”. [Por Paula Giannini]


A PROFUNDIDADE DOS SENTIMENTOS, das nuances de nossos sentidos e a busca pela liberdade poética,  essa seria a melhor maneira de descrever a coletânea de poesias da autora gaúcha Sabrina Dalbelo, Lente de Aumento Para Coisas Grandes, publicado pela Penalux Editora. 

 A autora descreve perfeitamente cada momento que passamos em nossas vidas, define dos mais lindos aos mais terríveis sentimentos que permeiam nossa mente e nossa alma. Sabrina utiliza a licença poética para divagar sobre temas que fugimos, afinal é  fácil definir o amor em uma poesia, mas já tentastes definir o ódio?

- Quem você é? - perguntou ao ódio.
- Sou passarinho preso na gaiola de alguém. Mesmo preso, canto. Só paro quando me libertam.

 A autora divide seu livro em quatro capítulos,  cada um com grupo de poesias que relatam em seus versos tudo que muitos desejam gritar e não conseguem. Sabrina conduz o leitor durante a descoberta de cada poema fazendo com que ele pare, pense e encaixe aquelas palavras em algum instantes de sua existência. 

 Empatia, define a sensação de quem lê  "Lente de Aumento Para Coisas Grandes", você se sente dono daquelas palavras, daquelas páginas. A diagramação é  outro ponto forte da obra, já que a capa foi concebida com extrema criatividade encaixando-se perfeitamente com as poesias que o leitor encontrará em seu interior. 

 Procura um livro para se sentir o próprio escritor? Já encontrou. 


Comentários via Facebook

10 comentários:

  1. Tenho que começar falando que me apaixonei pelo título do livro ♥
    é lindo.
    Ler algo que nos aproxima tanto do autor e da nossa própria realidade pode parecer incomodo, mas trás uma liberdade de pensamentos grandes. Quero ler e sentir tudo isso

    ResponderExcluir
  2. Oie amore,

    Amo o topo de seu blog, é uma graça!
    Que capa mais amor, já querooooo ler.
    Parece se tratar de um livro muito delicado e com muito sentimento, quero muito ler já!

    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  3. Que lindo o quote que você colocou, querendo ou não, todo o passarinho é algo preso dentro de alguém.

    ResponderExcluir
  4. Olá.
    Quando era mais jovem lia muito poesia. Hoje, são raros os momentos que me vejo com um livro de poesia nas mãos, mas esse me encheu de curiosidade.
    Acho que vou matar a saudade lendo esse livro.
    Adorei a sua resenha.
    Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  5. Ah, coisa boa conhecer novos livros de poesias. Eu adoro esse tipo de leitura, mas é raro eu pegar um livro assim para ler. Então já vou colocar esse nos desejados. Adorei a proposta.
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Que livro mais lindo. Essas páginas devem estar repletas de emoção e reflexões. Fiquei interessado em ler. Anotada a dica.

    ResponderExcluir
  7. Oii, tudo bem?

    Já vou logo colocar o livro na minha lista de desejados, amo esse tipo de leitura que passa sentimentos do dia a dia e colocam o leitor em real contato com o escritor.
    Obrigada por compartilhar!!

    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  8. Poesia é um estilo de escrita que admiro muito, apesar disso não é um gênero que leio com frequência e preciso mudar isso. Adorei a dica, suas impressões da obra me cativaram e se tiver a oportunidade de lê-la o farei.

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Adorei o trecho mencionado no post, confesso que não sou muito de ler poemas, mas sempre estou me aventurando em livro que tenha uma pegada poética. Obrigada pela dica, irei anotar aqui.

    ResponderExcluir
  10. Eu volto muitas vezes nesse post para renovar a minha felicidade. Ele é lindo. Obrigada por isso!
    Espero que esses leitores que se interessaram tenham procurado o livro ou, ao menos, tenham procurado ler poesia.
    Grande abraço, Mairton!

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião para nós do Refúgio Literário

Publicidade

iunique studio criativo

Instagram

© Refúgio Literário – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in